sexta-feira, 3 de fevereiro de 2012

Distribuidora de alimentos terá de pagar

(Foto: Internet)
Uma das mais importantes distribuidoras de doces do país foi condenada a pagar indenização de R$ 30 mil a uma mulher que encontrou larvas de inseto dentro do pacote de uma barra chocolate.

A mulher contou que comprou o doce em uma loja em Bonsucesso, na zona norte do Rio. Assim que verificou as larvas no chocolate, ela procurou o estabelecimento. Uma vistoria mostrou que todo o lote estava impróprio para consumo.

Após ser comunicada, a fabricante do chocolate recolheu todo o material para análise e foi constatado que os chocolates estavam mesmo contaminados.

No último dia 30, um jovem, morador de Irajá, também zona norte, passou mal depois de ingerir uma barata que estava dentro do saco de uma famosa marca de batata frita. O rapaz comprou dois pacotes do salgado e, ao mastigar o alimento, percebeu que havia algo estranho. Com as mãos, o estudante retirou a batata da boca e constatou que havia uma barata.

O jovem fotografou o inseto e entrou em contato com o fabricante do produto. Preocupados, os responsáveis pela marca disseram que iriam à casa do menino para repor a batata e levá-la para análise. Ele registrou queixa na polícia.

Fonte: R7



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Expresse sua opinião, ela é muito importante!

:a :b :c :d :e :f :g :h :i :j :k :l :m :n :o :p