segunda-feira, 4 de junho de 2012

Trabalhadores da construção pesada paralisam atividades em Fortaleza

Trabalhadores da construção pesada paralisaram as atividades nesta segunda-feira, 4. Cerca de 8 mil operários devem paralisar os principais canteiros de obra da Capital.
Segundo informações do Sindicato dos Trabalhadores da Indústria da Construção Pesada e Montagem Industrial do Ceará (Sintepav-CE), o impasse das negociações se deu inicio pelo não cumprimento da data-base dos trabalhadores, que desde abril não se chega a um acordo.

Vamos paralisar todas as obras de mobilidade urbana e saneamento em Fortaleza, além das obras do PAC no interior do Estado”, afirma Raimundo Nonato Gomes, presidente do Sintepav.
Na Região Metropolitana de Fortaleza, 600 trabalhadores do Metrofor já estão em greve há mais de uma semana. Nas obras de Saneamento que estão no entorno do Castelão, serão 350 trabalhadores. Já nas obras da BR-222, 1.600 homens devem paralisar os trabalhos.

No Interior do Ceará, trabalhadores devem parar também obras como a transposição do Rio São Francisco, em Mauriti e reforma da BR-116, em Icó.

Reivindicações
A categoria reivindica 25% de reajuste, 300 reais em cesta básica, plano de saúde para o trabalhador e seus dependentes, participação nos lucros de 440 horas; Organização no Local de Trabalho de um para cada 200 trabalhadores; folga de campo a cada 60 dias aos trabalhadores que moram fora do estado, entre outros benefícios.
Fonte: O POVO

China acusa EUA de interferência em assuntos internos

(Jeff Widener/AP)
A China acusou nesta segunda-feira os Estados Unidos de interferência em seus assuntos internos após o pedido do Departamento de Estado pela libertação das pessoas detidas por participação no movimento democrático da Praça da Paz Celestial (Tiananmen), reprimido violentamente em 4 de junho de 1989. A China considera o movimento uma rebelião contrária à revolução.

Leia mais: 'Só saí da China porque a considero um aterro, uma prisão'
"Estas declarações representam uma interferência nos assuntos internos da China e são acusações sem fundamento contra o governo chinês", afirmou Liu Weimin, porta-voz da diplomacia chinesa. "A China expressa o grande descontentamento e firme oposição", completou Liu.

No domingo, o porta-voz do Departamento de Estado americano, Mark Toner, pediu a libertação das pessoas ainda detidas. "Estimulamos o governo chinês a libertar aqueles que ainda são prisioneiros por sua participação nos protestos, que faça um registro público dos mortos, detidos e desaparecidos", disse Toner, ao mencionar a repressão do movimento que, dependendo das fontes, deixou centenas ou milhares de mortos. Toner pediu ainda o fim da perseguição dos participantes ou famílias.

No mês passado, a libertação do dissidente chinês Chen Guangcheng quase causou uma crise diplomática entre China e EUA. O advogado cego fugiu de sua prisão domiciliar e buscou refúgio na embaixada americana no país. Washington pressionou Pequim para libertá-lo e ofereceu uma bolsa de estudos a ele nos EUA. Após negociações, Chen foi libertado e partiu para os EUA.
(Com agência France-Presse)

 

Conexão lenta frustra usuários nos aeroportos

Testamos a conexão WiFi gratuita da Infraero em Fortaleza e em São Paulo, que apresenta problemas

No Aeroporto Internacional Pinto Martins, em Fortaleza, o acesso gratuito oferecido nas salas de embarque desde abril ainda apresenta problemas de lentidão e, no teste realizado pelo Tecno, não foi possível obter conexão Foto: José Maria Melo
Desde o mês de março está disponível nos principais aeroportos brasileiros o acesso à internet gratuito e ilimitado. A iniciativa, que atende aos usuários das áreas de embarque, é fruto de uma parceria da Infraero (estatal responsável pelos aeroportos) com três operadoras, que oferecem o serviço gratuitamente em troca de publicidade. No entanto, é preciso ter paciência, perseverança - e, principalmente, tempo - para desfrutar do serviço.


Em muitos locais, a conexão sem fio disponível é muito lenta, a ponto de inviabilizar o acesso por parte dos usuários. O Tecno constatou o problema em testes realizados há duas semanas nos aeroportos internacionais de Fortaleza e de Guarulhos (São Paulo).

Para ter direito ao acesso gratuito, o usuário deve se cadastrar na tela inicial que aparece em seu computador ou dispositivo móvel ao detectar a rede gratuita da Infraero em parceria com a provedora do acesso. Após o cadastro, para navegar, o usuário deve digitar seu login, sua senha e o número de seu cartão de embarque.

No teste em Fortaleza, feito na tarde do dia 24 de maio último, a lentidão da conexão não permitiu sequer a abertura da página inicial de cadastro. A conexão gratuita disponível no Aeroporto Internacional Pinto Martins, na capital cearense, é oferecida pela operadora TIM.

Contatada pelo Tecno, a assessoria de imprensa da Infraero em Fortaleza informou que não há relatos de insatisfação dos usuários quanto à oferta do serviço, que funciona desde abril. Até o fechamento desta edição, assessoria não informou, entretanto, a quantidade de usuários que se conectam à rede diariamente nem a velocidade da conexão.

Fazendo o mesmo teste no dia 25 de maio, desta vez no Aeroporto Internacional Governador André Franco Montoro, em Guarulhos, as tentativas de conexão através da rede gratuita Infraero/TIM também não foram bem sucedidas. Após o cadastro, na hora do login, uma mensagem de erro indicava que o número do cartão de embarque já havia sido utilizado para conexão - sem ter sido usado, na verdade.

Em nova tentativa, desta vez com a conexão gratuita Infraero/Linktel, o mesmo número do cartão de embarque foi aceito e a navegação finalmente foi possível - embora também apresentando lentidão que impossibilitou o download da edição do dia do Diário do Nordeste via aplicativo utilizado no tablet iPad.

Problema comumOs mesmos problemas constatados pelo Tecno nos dois aeroportos também são relatados pelo "Blog de Tec", do jornal Folha de S.Paulo, com relação a outros terminais Brasil afora. Segundo a publicação, no aeroporto de Congonhas, na capital paulista, "a internet é tão lenta que a página de login da Infraero demora mais de 10 minutos para carregar". "Para conseguir se logar ou criar um usuário, então, só com muita paciência. Foi preciso cerca de 20 minutos até conseguir completar o processo, para logo em seguida a internet parar de funcionar", relata o redator do blog, que tentou acessar a rede no dia 18 de maio.

Ainda segundo o blog, no Rio de Janeiro a situação é pior do que em São Paulo. No aeroporto internacional Antônio Carlos Jobim (Galeão), não foi possível se conectar à rede grátis em dois dias diferentes. Em um dia, a rede gratuita era detectada, mas não funcionava. Dias depois, ela sequer aparecia entre as redes disponíveis.

Nova operadora
A empresa Linktel Corporate anunciou em março deste ano que também ofereceria o acesso WiFi gratuito no aeroporto de Fortaleza. Segundo a empresa informou ao Tecno à época do lançamento do serviço, sua conexão WiFi gratuita nas salas de embarque do Aeroporto Pinto Martins poderia ser utilizada por tempo ilimitado, atendendo a até 4 mil usuários simultâneos. No entanto, até a semana passada, o serviço ainda não estava disponível.

A assessoria de imprensa da Infraero em Fortaleza afirmou que desconhece a iniciativa de operação da Linktel no terminal da capital cearense. Entretanto, a Linktel informou à reportagem que pretende passar a oferecer o serviço em Fortaleza nos próximos dias.

A companhia já disponibiliza o acesso WiFi gratuito no aeroportos de Congonhas e Guarulhos (em São Paulo), Juscelino Kubitschek (Brasília), Viracopos (Campinas), Galeão e Santos Dumont (Rio de Janeiro), Confins (Belo Horizonte) e Luís Eduardo Magalhães (Salvador). Em todos esses terminais, a velocidade de acesso é de 512 Kbps.

Fonte: Díário do Nordeste

Petistas insistem em tratar de aliança com o PSB e o PMDB

Rui Falcão, presidente nacional do PT, disse ontem que o seu partido apoiará o candidato de Cid Gomes em 2014

(Foto: Arquivo Diário do Nordeste)
Em clima de campanha eleitoral o Partido dos Trabalhadores (PT) realizou ontem, em Fortaleza, o encontro municipal da agremiação e escolheu o advogado, Elmano de Freitas da Costa, como o seu candidato à Prefeitura de Fortaleza, nas eleições de outubro próximo. Na próxima quarta-feira ele deixa a Secretaria de Educação de Fortaleza para efeito de desincompatibilização.


A oficialização da candidatura só acontece quando for realizada a convenção municipal do partido, cumprindo exigências da legislação eleitoral. O PT está trabalhando com uma data mais próximo do fim do mês. Pelo Calendário Eleitoral, as convenções partidárias para homologação das candidaturas a prefeito e vereadores terá que acontecer entre os dia 10 e 30 deste mês.

Os trabalhos do encontro de ontem foram acompanhados pelo presidente nacional do PT, Rui Falcão, que confirmou o encontro que teria ontem à noite em Sobral com o governador Cid Gomes, com quem volta a conversar hoje, durante o café da manhã, na tentativa de viabilizar uma aliança com o Partido Socialista Brasileiro (PSB). Para uma aliança com o PSB, agora, o PT promete apoio ao candidato apresentado por Cid Gomes para governador nas eleições de 2014, declarou o presidente do PT, confessando que já ouviu isso de Luizianne Lins.

Durante o encontro municipal do PT um dos pontos mais ressaltados foi a unidade do partido e a necessidade de manutenção da aliança com os partidos da base aliada do governo Dilma Rousseff, principalmente o PSB e o PMDB, os dois maiores.

Dos quatro pré-candidatos que haviam colocado o nome à disposição do partido, Elmano de Freitas, Artur Bruno, Camilo Santana e Guilherme Sampaio, chegaram ao encontro anunciando a desistência Camilo Santana e Guilherme Sampaio. Artur Bruno garantiu que ia para a disputa e foi, mas para confirmar o que muitos esperavam, saiu derrotado, pois contava apenas com o apoio de 23 delegados de um total de 300 com direito a voto. Como a votação foi por aclamação não houve tempo, sequer, para a contagem dos votos de cada um dos dois.

Tentativa
No curso do evento de ontem, enquanto os delegados debatiam, apresentavam emendas e votavam as teses colocadas à deliberação plenária, em uma sala fechada os quatro pré-candidatos se reuniram com o presidente do partido, Rui Falcão, com a prefeita Luizianne Lins e o senador José Pimentel, além de deputados federais, estaduais e vereadores. Era a última tentativa de remover Artur Bruno da ideia de disputar e definir se o candidato seria apresentado ontem mesmo ou se poderes seriam delegados à direção para definir o candidato posteriormente. Como consequência, a mesa oficial dos trabalhos foi composta somente ao meio dia, ou seja, meia hora após a votação da resolução do encontro.

Todos os oradores ressaltaram a importância da unidade do partido, inclusive Artur Bruno que defendeu a sua candidatura, lembrando que se tratava de um sonho. Disse também que nasceu em Fortaleza, está no sétimo mandato, sempre foi o parlamentar do partido mais votado na Capital e quer retribuir à cidade a confiança que recebeu como candidato a vereador, deputado estadual e deputado federal. A delegada Graça Costa também defendeu a candidatura de Artur Bruno e a candidatura de Elmano de Freitas foi defendida por Sônia Braga (ex-presidente estadual) e o senador José Pimentel.

Aliança
Em seu discurso a prefeita Luizianne Lins apresentou uma rápida prestação de contas da sua administração. Disse que fez um Governo sem abrir mão de valores e princípios, inverteu prioridades e é preciso ter coragem para governar para a maioria. A exemplo dos outros oradores defendeu a continuidade da aliança com o PSB e o PMDB.

Elmano de Freitas também ressaltou a administração Luizianne Lins, inclusive apresentando estatísticas favoráveis a administração. Manifestou confiança na vitória, afirmando que vai ser eleito no primeiro turno de votação. Elogiou os outros pré-candidatos que evitaram a prévia interna e disse que o desafio agora é fazer uma aliança para ampliar a base de apoio. Assegurou que vai ter abertura e paciência para conversar com o PSB, PMDB e PCdoB.

Avançar
O presidente nacional do PT, Rui Falcão, foi claro ao afirmar que deseja a mais ampla aliança que for possível na Capital. Lembrou que Fortaleza é a maior cidade que o PT governa, no momento, e a estratégia do partido para as próximas eleições é manter o que tem, recuperar o que perdeu e avançar em cidades estratégicas. Apresentou números apurados em pesquisas que revelam a preferência do eleitorado pelo PT e informou que o projeto do seu partido não é um projeto só para ganhar as eleições, mas um projeto de Governo coletivo.

Sobre coligação com o PSB disse que ainda ontem, à noite, conversaria com o governador Cid Gomes, em Sobral. Hoje ele volta a conversar com o governador durante o café da manhã, aqui em Fortaleza, destacando que o diálogo será sempre em tom respeitoso.

Fonte: Diário do Nordeste

sexta-feira, 1 de junho de 2012

Bando explode banco e atira contra a delegacia

O grupo teria levado cerca de R$ 150 mil da agência. Este foi o 41º ataque a banco, neste ano, no Estado do Ceará

(foto: Arquivo Diário do Nordeste)
 Tamboril A agência do Bradesco deste Município (300Km de Fortaleza) foi assaltada, na madrugada de ontem, em uma ação ousada. De acordo com a Polícia, por volta de 2 horas, um grupo composto por cerca de 30 pessoas - entre eles três mulheres - sitiou a cidade e realizou o assalto. Fortemente armados, ocupavam oito veículos, entre eles uma camioneta S-10 branca. A agência foi quase que completamente destruída após três explosões provocadas pelos autores da ação criminosa. A população ficou em pânico.

A rua no entorno da agência revelavam a violência da ação da quadrilha. Muita destruição. Telhas, tijolos, pedaços de material de construção, terra, papéis espalhados. As residências próximas tiveram portões e janelas quebrados, tetos avariados, paredes rachadas em consequência da força das explosões. Muitas pessoas ainda estão abaladas.

Destruição
No interior da agência bancária, a situação ficou ainda pior, com documentos pelo chão, restos de teto e maquinário. Até as bandeiras do Brasil e Ceará compõem o cenário da destruição, antes nos mastros, agora nos escombros do prédio.

De acordo com informações da Polícia e da própria população, a ação foi rápida. Em meia hora, o grupo chegou à cidade e realizou o assalto. Os ladrões se dividiram-se em três grupos. Um deles se dirigiu à sede do Programa de segurança Pública Pró-Cidadania e ali efetuou disparos nos pneus da viatura. Outro grupo foi para a Delegacia de Polícia Civil e para o Destacamento da PM, onde havia três policiais. Efetuaram disparos nas duas viaturas. Simultaneamente, outros membros atuavam na agência, efetuando muitos disparos e, em seguida, realizando explosões.

Dois cofres foram abertos. Um deles continha apenas documentos e no outro, dinheiro, que foi levado pelos assaltantes. Na hora da fuga, os assaltantes se dispersaram, tomando vários rumos. De acordo com o delegado regional de Polícia Civil, Ricardo Savoldi, já pistas para a identificação de alguns envolvidos no ataque violento em Tamboril.


Fonte: Diário do Nordeste